Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
10%
O Haiku das Palavras Perdidas
Colecção: Gradiva

Páginas: 436
Ano de edição: 2011
ISBN: 978-989-616-453-9
Capa: Brochado (capa mole)
19,9 €
17,91 €

Quantidade:
Sinopse

Haiku: poema japonês de dezassete sílabas; fugaz cintilação que nos mostra a essência das coisas.

Nagasáqui, Agosto de 1945. Kazuo, um rapaz ocidental a viver no Japão, e Junko, a bela filha de uma desenhadora de arranjos florais, combinaram encontrar-se numa colina para selar o seu amor adolescente com um haiku que guarda um segredo sobre essa relação. Poucos minutos antes do encontro, a bomba atómica transforma a cidade no pior dos infernos.


Tóquio, Fevereiro de 2011. Emilian Zäch, suíço, arquitecto, assessor das Nações Unidas e defensor da energia nuclear, no momento em que a sua vida parece desmoronar-se, conhece uma galerista japonesa, obcecada por encontrar o antigo amor de uma pessoa da família.


Através destas duas histórias paralelas e do seu surpreendente encontro final, Andrés Pascual tece uma comovedora teia sobre a importância de interiorizar as tragédias do passado para enfrentar os desafios do presente e assim poder escrever o nosso próprio destino.


Um emocionante hino à paz, à espiritualidade e ao amor, pela mão de um autor de excepção.
Autor(es)

Andrés Pascual (Logroño, 1969) exerce advocacia há vinte anos. É coordenador da Aula de  Cultura de Vocento em La Rioja e colabora com a Punto Radio numa secção acerca das viagens que tem feito à volta do mundo. Amante de música, fez parte de vários grupos de rock como vocalista e pianista. O seu primeiro romance, El guardián de la flor de loto (2007), emocionou mais de cem mil leitores em Espanha e foi traduzido para diversas línguas. Com a sua segunda obra, El compositor de tormentas (2009), foi finalista do VIII Prémio de Novela Ciudad de Torrevieja e consolidou a sua projecção internacional.