Newsletter
Receba as nossas novidades na sua caixa de correio.


Descarregue aqui o catálogo da editora em formato pdf.
A Águia da Nona Legião
Colecção: Fora de Colecção

Páginas: 304
Ano de edição: 2010
ISBN: 978-989-616-383-9
Capa: Brochado
7,5 €

Quantidade:
Sinopse
Enviada para o norte da Britânia para reprimir uma insurreição entre as tribos nativas, a Nona Legião nunca mais foi vista.
 
Quatro mil homens desapareceram sem deixar rasto, juntamente com o seu estandarte que ostentava uma Águia dourada. Um mistério aparentemente insolúvel – até agora…
 
O jovem Marcus precisa de descobrir o que aconteceu ao pai, que comandava a Legião perdida. Para tanto, parte rumo ao desconhecido, numa missão tão perigosa que ninguém espera vê-lo regressar com vida…
 

A Águia da Nona Legião é justamente considerada uma das obras mais notáveis da literatura juvenil do século XX, tendo vendido mais de um milhão de exemplares em todo o mundo. Trata-se do primeiro volume de uma trilogia que também irá apaixonar os leitores portugueses de todas as idades.

Autor(es)
Rosemary Sutcliff (14 Dezembro de 1920 – 23 de Julho de 1992) era uma romancista inglesa conhecida pela ficção histórica. Tendo começado como escritora para crianças, a qualidade e a profundidade dos seus livros fez com que fossem lidos também por adultos.
Rosemary Sutcliff nasceu no Surrey mas viveu a sua infância em Malta e nas diversas bases navais em que o pai trabalhava como oficial.
Contraiu artrite reumatóide muito jovem. Devido a essa doença crónica passava a maior parte do tempo com a sua mãe, uma contadora de histórias incansável através da qual descobriu muitas lendas célticas e saxónicas, A escolaridade estava sempre a ser interrompida por causa da doença e Rosemary só aprendeu a ler aos 9 anos. Deixou a escola aos 14 anos para ingressar na Bideford Art School. Pintava também miniaturas,
Sutcliff começou a sua carreira como escritora em 1950 com a obra The Chronicles of Robin Hood. Escreveu The Eagle of the Ninth, o seu romance mais conhecido em 1954. Em 1959, Sutcliff ganhou a medalha Carnegie com o livro The Lantern Bearers. The Mark of the Horse Lord ganhou o primeiro Phoenix Award em 1985 e The Shining Company em 2010.
Morreu, em 1992, a escrever.